Um pouco sobre Caster

O cáster desempenha papel de grande relevância, determinando tato de direção e estabilidade em alta velocidade. Em outras palavras, cáster é o ângulo do pino mestre em relação à linha vertical que passa pelo centro da roda olhando-se o veículo de lado. Tal ângulo tem a finalidade de permitir o retorno das rodas dianteiras à sua posição inicial, depois de uma curva, além de proporcionar firmeza e estabilidade à direção, permitindo dirigir em linha reta com esforço mínimo. Um ângulo de F exagerado torna a direção pesada.

Quando fazer?

  • Sempre que fizer o alinhamento de direção e for detectado que as medidas do cáster estão em desacordo com as medidas especificadas pelo fabricante do veículo;
  • Quando a direção estiver pesada;
  • Quando as rodas apresentarem dificuldade para voltar à posição inicial após qualquer deslocamento.

Carro

Alguns carros de corrida têm seu ângulo de caster ajustado com o objetivo de otimizar o desempenho do carro em situações distintas de competição.

Moto

O ângulo de caster influencia diretamente na dirigibilidade de uma moto, pois é ele quem dá elasticidade a ciclística, em motos custom (estradeiras), o ângulo de caster é maior, proporcionando melhor estabilidade em altas velocidades, porém dificultando as manobras e a pilotagem em baixa velocidade. Já nas motos esportivas ou, na maior parte dos modelos existentes no mercado, o ângulo de caster é menor, possibilitando melhor manobrabilidade e estabilidade em baixas velocidades, porém instabilidade em altas velocidades. As motos esportivas atingem velocidades elevadas, para compensar o baixo ângulo de caster, a suspensão é desenvolvida de maneira a absorver ao máximo as irregularidades do piso e, geralmente é adotado o amortecedor de direção visando evitar as instabilidades (vibrações) do guidão com a possíveis ocorrências do “shimming”.

As consequências de um Caster fora das especificações são:

  • Se for insuficiente:
    • Diminuição da estabilidade direcional em alta velocidade;
    • Diminuição do esforço direcional requerido em baixa velocidade.
  • Quando excessivo:
    • Aumento da estabilidade direcional em alta velocidade;
    • Aumento do esforço direcional requerido em baixa velocidade;
    • Pode causar vibrações laterais em alta velocidade.
  • Diferente lado a lado:
    • Pode causar tendências no veículo de “puxar” para um dos lados e pode causar problemas em frenagens violentas.
    • A máxima diferença tolerável lado a lado é de ½ grau.

Caster de qualidade